Encontros com homens Checa

[Pre-Match Thread] UEFA Champions League 2015/16, Quartos, 1.ª Mão: FC Bayern München vs. SL Benfica

2016.04.05 02:02 fidjudisomada [Pre-Match Thread] UEFA Champions League 2015/16, Quartos, 1.ª Mão: FC Bayern München vs. SL Benfica

Fußball-Club Bayern München vs. Sport Lisboa e Benfica

UEFA Champions League 2015/16, Quartos-de-final

Transmissão

Antevisão

Pelo segundo ano consecutivo, o FC Bayern München vai enfrentar um adversário português nos quartos-de-final da UEFA Champions League quando defrontar o SL Benfica, equipa à procura de chegar às meias-finais da prova pela primeira vez em mais de 25 anos.

Confrontos anteriores

  • Os dois clubes mediram já forças em três eliminatórias europeias no passado - e não só o Bayern levou a melhor em todas elas como chegou depois à final da competição em cada uma dessas ocasiões.
  • O primeiro embate teve lugar nos quartos-de-final da Taça dos Campeões Europeus de 1975/76. Um nulo em Lisboa, na primeira mão, foi seguido de uma vitória por 5-1 do Bayern, em Munique, com Bernd Dürnberger e Gerd Müller a bisarem e Karl-Heinz Rummenigge a assinar o outro golo dos bávaros.
  • O Bayern seguiu, então, em frente e acabou depois por derrotar o AS Saint-Étienne por 1-0 na final, jogada no Hampden Park, em Glasgow, erguendo assim o título europeu de clubes pela terceira temporada consecutiva.
  • A história foi parecida quando Benfica e Bayern se voltaram a encontrar, desta feita na segunda eliminatória da Taça dos Campeões de 1981/82, com a primeira mão, em Lisboa, a terminar novamente sem golos. Uma vez mais, o Bayern não deu hipóteses em casa e venceu confortavelmente a segunda mão, em Munique, com Dieter Hoeness a assinar um "hat-trick" e Paul Breitner a marcar o outro num triunfo por 4-1.
  • Tal como na anterior ocasião, o Bayern atingiu a final, embora desta feita não tenha conseguido erguer o troféu, derrotado por 1-0 pelo Aston Villa FC, em Roterdão.
  • Jürgen Klinsmann foi a estrela quando o caminho dos dois clubes se cruzou pela última vez até à data, na terceira eliminatória da Taça UEFA de 1995/96. O ponta-de-lança alemão marcou os quatro golos da vitória caseira por 4-1 do Bayern na primeira mão e assinou, depois, mais dois golos na segunda mão, num triunfo por 3-1 em Lisboa; o outro golo bávaro nessa partida foi apontado por Andreas Herzog.
  • O Bayern seguiu, uma vez mais, até à final, na qual derrotou o FC Girondins de Bordeaux com um total de 5-1 no conjunto das duas mãos. Klinsmann terminou essa edição da prova com 15 golos.
  • Em Munique, a 21 de Novembro de 1995, as equipas alinharam da seguinte forma - Bayern: Kahn, Babbel (Kreuzer 45), Matthäus (Witeczek 69), Strunz, Ziege, Hamann, Helmer, Scholl, Sforza, Klinsmann, Zickler (Kostadinov 84). Benfica: Preud'homme, Marinho (Edgar 57), Paulo Pereira, Hélder, Dimas, Paulo Bento, Calado, Valdo, Kenedy (Marcelo 76), João Pinto, Hassan.

Retrospectiva

Bayern
  • Cinco vezes campeão europeu, o Bayern marcou presença nas meias-finais das quatro últimas edições da UEFA Champions League. O seu registo em quartos-de-final na Taça dos Campeões/UEFA Champions League é de 17V 9D.
  • O Bayern tem estado imparável a jogar em casa na presente edição da UEFA Champions League, somando quatro vitórias em quatro jogos, ainda que tenha necessitado do prolongamento - e de recuperar de uma desvantagem de 0-2 - para afastar a Juventus na segunda mão dos oitavos-de-final.
  • Em casa, na fase de grupos, a turma bávara bateu GNK Dinamo Zagreb, Arsenal FC e Olympiacos FC com um total de 14 golos marcados e apenas um sofrido no conjunto desses três jogos.
  • Há um ano, o Bayern perdeu 3-1 no terreno do FC Porto na primeira mão dos quartos-de-final, mas deu a volta à eliminatória de forma espectacular, com um triunfo por 6-1 na segunda mão, em Munique.
  • Essa derrota com o Porto pôs fim a uma série de 15 jogos sem perder do Bayern frente a adversários portugueses. Ao todo, o seu registo frente a equipas lusas é de 24J 14V 8E 2D 55GM 18GS; a jogar em casa esse registo é de 9V 2E 0D. O Bayern levou a melhor nas nove anteriores eliminatórias que disputou com equipas portuguesas.
  • A outra derrota do Bayern frente a um clube português foi também diante do Porto, na final de 1987 da Taça dos Campeões Europeus, no Praterstadion, em Viena. Ludwig Kögl ainda deu vantagem aos homens de Munique nesse jogo, à passagem do minuto 25, mas golos de Rabah Madjer (77) e de Juary (81) ditaram outro destino para o troféu.
Benfica
  • Esta é a primeira presença do Benfica nos quartos-de-final da UEFA Champions League desde que se viu afastado desta fase da prova pelo Chelsea FC em 2011/12, com um total de 3-1 a favor dos londrinos no conjunto das duas mãos. O registo global das "águias" em quartos-de-final da Taça dos Campeões Europeus/UEFA Champions League é de 8V 8D.
  • O Benfica atingiu a final nas duas últimas ocasiões em que conseguiu ultrapassar esta fase da competição – em 1990 e 1988.
  • O Benfica venceu por 2-1 no terreno do FC Zenit na segunda mão dos oitavos-de-final, carimbando assim o apuramento com um total de 3-1, e triunfou também por 2-1 em casa do Club Atlético de Madrid na segunda jornada da fase de grupos. Contudo, essas são as duas únicas vitórias que somou nos últimos oito jogos que disputou fora de portas nas competições europeias.
  • Os 40 jogos já disputados pelo Benfica frente a equipas alemãs na Europa resultaram em 12V 13E 15D (2V 6E 13D em solo germânico). Essas vitórias na Alemanha tiveram lugar em duas das três últimas deslocações àquele país, com um triunfo por 2-0 na visita ao VfB Stuttgart, nos 16 avos-de-final da UEFA Europa League 2010/11, e um triunfo por 1-0 na visita ao Bayer 04 Leverkusen, na mesma fase da edição de 2012/13 dessa mesma competição.
  • Na temporada passada, contudo, na fase de grupos da UEFA Champions League, o Benfica foi derrotado por 3-1 em Leverkusen, empatando 0-0 em casa.

Ligações entre jogadores e treinadores

  • Júlio César fez parte da equipa do FC Internazionale Milano que bateu o Bayern por 2-0 na final de 2010 da UEFA Champions League, em Madrid. O guardião brasileiro ajudou também a turma de Milão a vencer por 3-2 em Munique nos oitavos-de-final da temporada seguinte, com a sua equipa a seguir em frente graças aos golos fora depois de um empate 3-3 na soma das duas mãos. Holger Badstuber, Philipp Lahm, Arjen Robben e Thomas Müller faziam já parte da equipa do Bayern.
  • Arturo Vidal estava na Juventus quando esta foi derrotada por 2-1 no conjunto das duas mãos pelo Benfica nas meias-finais da UEFA Europa League 2013/14.
  • Kostas Mitroglou, avançado internacional grego do Benfica, tem cidadania alemã e, em jovem, passou pelos quadros do MSV Duisburg e do VfL Borussia Mönchengladbach.
  • Mitroglou marcou por duas vezes na vitória por 2-0 da Grécia sobre a Áustria de David Alaba, num jogo amigável disputado a 14 de Agosto de 2013.
  • Colegas de selecção: Rafinha e Douglas Costa - Júlio César, Luisão e Jonas (Brasil); Medhi Benatia - Mehdi Carcela-González (Marrocos)
  • Mario Götze marcou pela Alemanha numa derrota por 4-2 ante a Argentina de Nicolás Gaitán (suplente utilizado), num amigável disputado a 14 de Setembro de 2014. Manuel Neuer e Thomas Müller também alinharam pela selecção alemã nesse jogo.
  • Um "hat-trick" de Müller ajudou a Alemanha a derrotar por 4-0 uma selecção de Portugal que contou com André Almeida na fase de grupos do Campeonato do Mundo de 2014. Neuer, Philipp Lahm, Jérome Boateng e Götze também estiveram em campo pela selecção germânica.
  • Neuer, Lahm, Boateng e Müller – que apontou o primeiro golo – estiveram também na equipa quando a Alemanha bateu o Brasil por 7-1 nas meias-finais do Campeonato do Mundo de 2014. Júlio César esteve na baliza brasileira nesse jogo.
  • Júlio César e o Brasil foram depois derrotados por 3-0 pela Holanda, que contou com Arjen Robben, no jogo de atribuição do terceiro lugar.

Factos

Bayern
  • Robert Lewandowski marcou 13 vezes em 14 encontros pelo clube em 2016. Apontou dez dos 20 golos do Bayern no campeonato desde a paragem de Inverno.*
  • O atacante da Polónia vai em 47 golos em 46 partidas pelo clube e selecção em 2015/16.*
  • O 25º tento de Lewandowski na Bundesliga esta época, mais um que o seu anterior melhor registo na prova, valeu o triunfo à equipa de Guardiola por 1-0 na visita ao 1. FC Köln, a 19 de Março.
  • Com o golo frente ao Colónia, Lewandowski ultrapassou Luca Toni como melhor goleador estrangeiro pelo clube na Bundesliga numa única temporada.
  • Müller vai no seu melhor registo goleador na Bundesliga, com 19 golos apontados esta temporada.
  • Ao disputar o jogo 70 pela Alemanha, Müller capitaneou o seu país pela primeira vez e fez duas assistências na vitória por 4-1 sobre a Itália, a 29 de Março. Götze marcou um golo na sua 50ª internacionalização.
  • Kingsley Coman estreou-se a marcar pela França na vitória por 4-2 sobre a Rússia, na mesma noite, enquanto Arturo Vidal bisou no triunfo do Chile sobre a Venezuela, por 4-1.
  • Douglas Costa marcou aos 39 segundos de jogo no empate 2-2 do Brasil frente ao Uruguai.
  • Benatia lesinou-se na coxa durante um treino a 25 de Março e falhou assim o jogo da Marrocos de qualificação para a Taça Africana das Nações frente a Cabo Verde.*
  • Joshua Kimmich (problemas musculares) não disputou os jogos da Alemanha de qualificação para o Campeonato da Europa de Sub-21 da UEFA frente às Ilhas Faroé e Rússia. Não foi utilizado na derrota por 1-0 ante o Eintracht Frankfurt no sábado.
  • Robben (adutores) está ausente desder 13 de Março.
  • Badstuber fracturou um tornozelo durante um treino, a 13 de Fevereiro, e vai falhar o resto da temporada.
  • Javi Martínez, que foi operado ao menisco do joelho esquerdo a 2 de Fevereiro, foi titular no encontro de sábado.
  • Boateng lesionou-se num adutor no triunfo por 2-1 no reduto do Hamburger SV, a 22 de Janeiro, que o deixará ausente até ao final de Abril.
  • O Bayern anunciou a 18 de Março que Alaba renovou o seu contrato até ao Verão de 2021.
Benfica
  • O Benfica venceu 19 dos últimos 20 jogos em todas as competições, com a excepção da derrota caseira por 2-1 com o Porto, a 12 de Fevereiro.
  • Jonas marcou 18 golos em 16 partidas de todas as competições em 2016.
  • Jonas jogou os últimos 11 minutos do encontro de qualificação do Brasil, frente ao Paraguai, que terminou empatado 2-2, a contar para a qualificação para o Campeonato do Mundo de 2018, a 29 de Março – o primeiro jogo pelo seu país desde Setembro de 2012.
  • Renato Sanches estreou-se pela selecção a 25 de Março, entrando durante a derrota de Portugal por 1-0 na recepção à Bulgária. Participou ainda no triunfo sobre a Bélgica, quatro dias depois.
  • Victor Lindelöf somou as primeiras internacionalizações pela Suécia na derrota por 2-1 com a Turquia e no empate 1-1 frente à República Checa.
  • Luisão (ausente desde 21 de Novembro, braço esquerdo partido) sofreu uma recaída num treino e foi de novo operado à lesão, a 8 de Fevereiro.
Rui Vitória: "Inteligência, ambição e alegria"
O Sport Lisboa e Benfica está na Alemanha onde, esta terça-feira, defronta o Bayern Munique, em partida referente à 1.ª mão dos quartos de final da Liga dos Campeões.
Na antevisão ao encontro, após o treino de adaptação ao Allianz Arena, foi um Rui Vitória ambicioso e "à Benfica", que realizou a antevisão ao jogo.
"É uma visão de treinador. Todos sabemos que as equipas têm de ter noção do que fazem e não daquilo que dizem que fazem. Ele viu as nossas virtudes e defeitos. Vamos ter um jogo contra uma equipa poderosa, uma das melhores do Mundo mas quem chega a esta eliminatória tem de ter grande ambição", começou por dizer, confrontado com o facto de Guardiola não ter assumido favoritismo aos bávaros.
Como é que sente, face à caminhada que a equipa tem feito na presente temporada?
"Sinto-me feliz. Feliz por ganhar pelo Benfica. Vamos jogar sem medos, sem dramas. Sempre que o Benfica entra em qualquer jogo é com esse espírito. As equipas do Benfica têm de jogar com entusiasmo e a máxima responsabilidade. Temos de olhar para o adversário e tentar descodificar. O resto é lateral. Não estou preocupado comigo. Estou preocupado em que o Benfica possa vencer. É o jogo mais importante da minha carreira porque é o próximo. Vamos a eles, sem dramas e com alegria pois esse é o maior trunfo", revelou o treinador.
"Se lhes mostrei vídeos do jogo contra o Bayern? Eles não estão agarrados a sistemas mas sim a conceitos. Isso será o futuro. Eles adaptam-se ao jogo e são fortes em todos os momentos. O nosso foco é tentar descodificar esses momentos. Tem que existir uma resposta quase no limite da dedicação. Temos de jogar com muita inteligência", explicou.
Como está a encarar esta partida?
"O nosso foco é sempre o próximo jogo. Temos vindo a trabalhar desta forma. O Bayern é candidato a ganhar esta competição. Agora, estamos aqui e não vamos recuar nem ter medo. Temos pela frente um adversário poderoso mas queremos levar o jogo para Lisboa. Não estou cá preocupado em questões de finais. É evidente que quero ganhar. O objetivo é esse. Qualquer treinador quer. São 180 minutos e vamos mostrar vontade de ganhar", disse taxativo.
"Temos a estratégia pensada para o jogo. Do outro lado vejo um conjunto de atributos que, se a nossa equipa não for forte nos vários momentos, não vai ser fácil. Tem de ser um jogo de concentração no limite. Temos que adaptar o jogo ao que o adversário tentará fazer. Não sabemos se vamos ter sucesso mas para o ter é preciso descodificar. Vamos preparar o jogo com a máxima atenção. Com a máxima alegria e ambição", acrescentou.
"Temos a noção das dificuldades mas acreditamos que os nossos momentos vão aparecer. Perguntam-me se vamos jogar sempre ao ataque? Do outro lado estará uma equipa poderosa. Não teremos um ataque avassalador pois do outro lado está uma equipa poderosa. A virtude é reconhecer que eles têm valor. Vamos sofrer? Ai vamos. Mas tem sido sempre assim", concluiu Rui Vitória.

Lista de Convocados

  • Guarda-redes: Ederson, Paulo Lopes e André Ferreira;
  • Defesas: André Almeida, Nélson Semedo, Jardel, Lisandro, Lindelöf e Eliseu;
  • Médios: Pizzi, Carcela, Talisca, Salvio, Fejsa, Gonçalo Guedes, Renato Sanches, Samaris e Gaitán;
  • Avançados: Raúl, Jonas e Mitroglou.

Boletim Clínico

  • Por divulgar

XI Provável

Mitroglou Jonas
Gaitán (C) Samaris Renato Sanches Pizzi
Eliseu Jardel Lindelöf André Almeida
Ederson

Talking Points

  • Que jogador terá que fazer acontecer, superar-se a si próprio e embalar a equipa para a vitória?
  • Que jogador ou aspeto do jogo do adversário constitui-se como a maior ameaça para o SL Benfica?
  • Qual é o seu onze inicial, estrutura e dinâmicas preferidos para este jogo?
  • Qual é a sua previsão sobre o resultado final e os marcadores?
submitted by fidjudisomada to benfica [link] [comments]